Cultura

Menino de 13 anos cria charges para retratar a crise venezuelana

Publicado dia 21/10/2018 às 23h04min
Um estudante venezuelano de 13 anos começou a criar charges políticas para retratar a situação política do país.

Um estudante venezuelano de 13 anos começou a criar charges políticas para retratar a situação política do país. Ele sempre gostou de desenhar animais e carros, no entanto, começou a ilustrar o desespero de seus compatriotas há alguns anos, à medida que a situação da Venezuela foi se agravando. Em seus desenhos, aparecem temas como hiperinflação, a emigração em massa e a escassez de alimentos e remédios.

 

“As crianças começam a perceber (o que está acontecendo) porque não vão mais tanto ao cinema, percebem que não podem ficar na rua até tarde, não há muita comida em casa nem os mesmos produtos”, afirma Gabriel Moncada, criador dos desenhos. “Os desenhos são uma maneira de me expressar. Acho que é uma maneira criativa, divertida e diferente de mostrar os problemas que vivemos diariamente”, completou.

As charges do garoto começaram a ser publicadas no Facebook da mãe do garoto, a jornalista Cecilia González, de 46 anos, no final do ano de 2016. Segundo o jornal O Globo, uma amiga de Cecilia, impressionada com o trabalho do jovem, pediu para publicar as imagens em seu site de notícias, TeLoCuentoNews, onde elas aparecem toda sexta-feira há quase dois anos. A seção em que as charges ganhou o título: "É assim que Gabo vê".

 

Segundo Cecilia, no início, a família tentou blindar o garoto da realidade de decadência em que se encontrava a Venezuela, mas desistiu à medida que os problemas foram ficando mais graves. “Nada é mais como era antes, e eles percebem isso. Você leva os filhos à escola e há três ou quatro crianças pegando comida do lixo na esquina”, explica

Fonte: Canoa Notícias/Bahia Notícias

Mais Populares



Fale Conosco

Centro Ubatã/BA
(73) 98168-2875 | (73) 98831-9390 | (73) 99860-9810
josueribeirocomunicador@hotmail.com